Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um dia faço um blog

Diário de uma desportista de segunda que precisa de perder peso #1

Quando era mais nova (sim, que agora com 22 anos conheci o meu primeiro cabelo branco - snif snif) fazia imenso desporto. Muito por culpa da minha mãe que sempre se esforçou para que eu e a minha irmã não fossemos as típicas crianças sedentárias.

Fiz natação durante uns 9/10 anos e cheguei a ser federada. Também fiz dança uns belos 5 anitos, bem como patinagem.

Bom, a uma dada altura a minha inércia falou mais alto e larguei o desporto. O que foi uma chatice porque reza a lenda que quando trocamos os ténis por sapatos começamos a ganhar quilos extra nas coxas e nunca mais apanhamos o fio à meada.

Também aviso já que não sou menina dada às dietas. Fiz uma há uns tempos e graças a todos os santinhos resultou mais ou menos bem. Prometo que um dia contarei este processo.  Deixo-vos uma fotografia de uma foto que tirei já há uns meses, quando dei por quase terminada a dieta. Depois desta foto emagreci mais alguns quilitos.

BeFunky_umdiafaçoumblog.jpg.jpg

 

Nunca tirei também aquelas fotos típicas do "antes" e "depois". E admito que esta foto só existe porque a dada altura precisava de consertar a saia do traje académico e tirei a foto para enviar à minha mãe para ela me dizer se valia a pena arranjar ou se mais valia comprar uma nova . 

Confesso que não fui a nenhuma nutricionista antes de iniciar a dieta. Um erro tremendo, eu sei. Fiz eu uma grande pesquisa, comprei uns livros e tentei informar-me o melhor possível. Nunca passei fome, era só o que faltava. Impus um limite a mim própria: se passasse fome desistia, que não vim ao mundo para andar com a sensação que tenho um rato a roer-me as entranhas porque não era altura de comer.

Com isto aprendi a cozinhar!! Sim, eu sempre fui a típica universitária que era top a fazer massa com atum ou bifes com arroz. Com isto descobri todo um mundo novo. (E lamento, mas continuo a preferir que cozinhem para mim).

Entretanto decidi voltar a inscrever-me no ginásio. Não só para tentar atingir o peso que quero mas também porque sei que após grandes perdas de peso é extremamente importante tonificar e outras coisas que tais para não correr o risco de me tornar num texugo flácido. Felizmente não fiquei com estrias, que era esse um dos meus principais receios.

Está a ser complicado aderir à rotina de ir todos os dias (ou pelo menos dia sim, dia não) ao ginásio. A sério. Acho que a minha tentativa de voltar a ser uma desportista está a sair-me furada. Estou a ser uma desportista de segunda, eu sei. Acho que preciso de uma motivação extra. Talvez tenha sido por isso que estou a escrever este post. Numa esperança quase interesseira de que apareçam meia dúzia de pessoas a dizer-me o segredo para acender a chama do amor pela transpiração e dores no corpo.

Perdi 20 kg. E já mantenho o peso há 1 ano. Dizem que o mais difícil é manter.

O meu objetivo principal é perder os 5/6 quilos que me faltam. Porra, que chatos que eles são. Estão aqui bem instaladinhos na zona abdominal e não querem sair por nada. Sacanas, pá!

 

 

 

13 comentários

Comentar post