Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Um dia faço um blog

Novamente sem filtros - 3 anos depois.

Caríssimos,

 

E se eu tivesse que refazer o meu primeiro post, quase três anos depois?

 

Primeiro ponto: continuo jovem, já não sou universitária.

Segundo ponto: estou ligeiramente incrédula comigo mesma por estar a escrever aqui, tanto tempo depois.

A sério que os blogues ainda existem?

Continuo a não ter paciência para me maquilhar todos os dias.

A minha vida continua a ser o resultado da minha personalidade trapalhona.  

Continuo lamechas.

Voltei a acreditar no amor. E a desacreditar. It's a trap! Já não me rio mais disso. A sério. Não tem assim tanta piada.

O meu dia favorito continua a ser a segunda-feira.

Continuo a andar descalça sempre que posso.

O meu refúgio continua a ser a escrita.

Deixei de dizer que não me arrependo de nada.

O café continua a saber-me tão bem como um abraço.

Continuo sem conhecer a pessoa a quem confiarei o maior segredo da minha vida. Continuo a ter a certeza que essa pessoa vai aparecer.

Continuo a ser uma pessoa indecisa. Cada vez mais.

Estou cada vez menos certa daquilo que quero mas com cada vez mais certezas da mulher em que me tornei. 

E não é que finalmente consegui livrar-me dos transportes públicos?

O meu prato favorito mudou!

Perdi amizades. Arrependo-me. 

Continuo a não gostar de cozinhar.

Deixei de ter problemas com os vizinhos. Mudei de casa. Duas vezes.

Continuo a amar olhos pretos.

Deixei de gastar tanto dinheiro na zara.

Continuo a não querer casar.

Chorei pela primeira vez a ver um filme. Foi há uma semana. Apercebi-me que é o filme da minha vida.

Mantém-se a minha inércia nos fins de semana.

Mantém-se igualmente a minha fraca capacidade de passar mais do que o estritamente necessário dentro de um centro comercial.

Continuo a julgar as pessoas pelos erros ortográficos que dão. É mais forte do que eu.

Deixei de ler blogues, shame on me.

 

No fundo, continuo tudo mais ou menos igual...Não é mesmo?